Conheçam a Saga Vale dos Elfos.

domingo, 30 de novembro de 2008

101 coisas sobre mim.




Essa brincadeira foi proposta pela amiga Jaya, a quem adoro muito. A idéia é falar 101 coisas a respeito de si mesmo, o que é bem difícil.


1 – Meu nome Átila Siqueira, e mais alguns sobrenomes que eu detesto, então não conto para ninguém. Rs

2 – Quem escolheu meu primeiro nome, tão peculiar, foi meu pai, e considero que foi a única coisa de boa que ele conseguiu fazer para mim em toda a existência dele.

3 – Adoro meu nome, acho ele forte, e também esse meu primeiro sobrenome. Por isso eu os adotei enquanto nome artístico em minha peleja por uma carreira literária.

4 – Tenho apenas uma irmã, linda, maravilhosa, que amo muito. Fora isso, minha família é a minha mãe e a fofa da minha irmã. Somos sempre uns pelos outros aqui.

5 – Uma vez, quando eu e minha irmã éramos bem pequenos, ganhamos um peixe, desses de rio mesmo, até bem grande. Todo dia alimentávamos ele com fubá. Um dia, minha mãe saiu de casa, e eu e minha irmã toda hora dávamos fubá para o pobre do peixe, achando que ele estava com fome. Resultado, ele foi ficando de lado, e a água já estava quase um angu, até que ele morreu sufocado. Chorei muito na época, mas hoje damos muitas risadas disso.

6 – Tive uma boa infância, sempre fui muito criativo, tudo virava brinquedo na minha mão, e confesso que o embrião de alguns de meus personagens de meus livros de hoje em dia, nasceram nessa época. Evidente que eles se tornaram mais complexos.

7 – Morei em uma casa com um grande terreiro, em minha infância, e ali era o meu parque de diversões. Vivia entre as árvores, em especial um pé de goiaba, que eu brincava nele sempre com os meu bonecos de ação.

8 – Como eu já disse, tudo virava brincadeira e brinquedo para mim.

9 – Eu gostava muito de andar de bicicleta, adorava, passei minha infância em cima de duas rodas, pedalando para todo lado. Era uma delícia.

10 – Como eu era gordinho, a bicicleta me ajudou a emagrecer, era além de uma brincadeira, também um esporte, e eu ia para a escola com ela, o que era bem legal.

11 – Soltava papagaio às vezes, também, e era bem gostoso. Onde eu morava não usávamos cerol na linha, e não tinha essa babaquice de tentar derrubar o papagaio do outro. Juntávamos os amigos e soltávamos todos juntos, enquanto conversávamos sobre qualquer coisa.

12 – Eu tinha letra bonita quando eu era bem novinho, mas depois ela foi ficando feia, e hoje é bem horrível. E como eu escrevo muito, ai ela piora a cada dia, mas até que é legível.

13 – O único veículo que eu dirigi motorizado em minha vida foi um mini-bugue de uns primos meus, quando eu tinha cerca de 10 anos. Eu adorava, depois, nunca mais dirigi nada motorizado, até hoje.

14 – Não sei mais o que falar, estou pensando e estou confuso. Kkkkkkk

15 – Hum, deixa eu ver... Meu primeiro beijo foi com 12 anos, e foi meio esquisito.

16 – Comecei a treinar artes marciais com 13 anos.

17 – Hoje sou faixa preta em Kung fu, e instrutor de Muay Thai e Kick Boxing.

18 – Adoro treinar artes marciais, e odeio gente que pensa que se trata de violência. Acho que essas pessoas deveriam ler mais e se informar melhor sobre o assunto.

19 – Em minha época de escola, eu amava e detestava estudar ao mesmo tempo.

20 – Amava ler e estudar história. Amava fazer poesia, e ler poesia, e coisas do tipo.

21 – Odiava matemática e as matérias de exatas, e matava aula para ler sempre. Adorava dormir nas aulas também, mas eu era inteligente.

22 – Matando aula eu escrevi meus primeiros poemas, muitos dos quais rasguei depois, porque tinha vergonha. Mas alguns se salvaram, e eu os refis depois. Um deles se chama o Lobo Solitário, que inspirou um dos meus personagens principais do meu livro Vale dos Elfos.

23 – Comecei a escrever mais ou menos aos treze anos de idade. Fazia alguns poemas, escrevia algumas frases e fazia alguns textos políticos, principalmente contra os Estados Unidos.

24 – Algumas vezes tentei escrever meu primeiro livro, mas não deu certo e acabei desistindo por um tempo.

25 – Um dia, depois de ver o filme Moulin Rouge, o amor em vermelho, de ler o Mundo de Sofia e Dom Quixote de la Mancha, e também a Ilíada, de Homero, comecei a escrever meu primeiro romance, chamado os Libertadores.

26 – Esse romance mudou minha vida, me fez um escritor de verdade. Foi maravilhoso escrevê-lo.

27 – Nessa época também escrevi meu primeiro livro de poesias, simultaneamente, chamado, Suspiros de Solidão.

28 – Tinha terminado com a minha primeira namorada, e estava sofrendo muito.

29 – Sou Comunista.
30 – Choro vendo filme romântico, e não tenho vergonha disso.

31 – Sou muito romântico.

32 – Gosto de oferecer flores para as mulheres, gosto de agradar e ser cavalheiro.

33 – Ando geralmente de roupa social e esporte fino.

34 – Sonho em encontrar alguém que me entenda e me aceite como sou, excêntrico e difícil de lhe dar.

35 – Sonho com um amor daqueles dos contos épicos, e espero no fundo de meu coração encontrar ainda a minha “Arwend Undomiel”.

36 – Lancei o meu primeiro livro há pouco tempo, ele se chama Vale dos Elfos.

37 – Faço faculdade de História, e amo o meu curso.

38 – Não quero ser professor de jeito nenhum.

39 – Eu quero viver do que escrevo. Quero me sustentar como escritor.

40 - Prefiro dormir durante o dia e ficar acordado durante a noite.

41 – Amo dormir com o barulho da chuva.

42 – Amo chuva de qualquer jeito, para dormir, para escrever, para sair, desde que seja chuva branda e bastante frio.

43 -Vou falar agora das coisas que adoro e que detesto.

44 - Adoro chuva

45 - Detesto dia de sol.

46 - Adoro frio.

47 - Detesto o calor.

Adoro ar condicionado.

48 - Adoro incenso.

49 - Adoro minhas estátuas de mago.

50 - Adoro café.

51 - Adoro capuccino.

52 - Adoro refrigerante “Dell Rey”.

53 -Adoro ler e escrever em dia frio, debaixo das cobertas.

54 - Adoro Álvares de Azevedo.

55 - Adoro Augusto dos Anjos.

56 - Adoro Tolkien.

57 - Adoro Machado de Assis.

58 - Adoro Dostoiévisk.

59 - Adoro a Ilíada, de Homero, que é meu livro de cabeceira.

60 - Adoro Cecília Meireles.

61 - Adoro Tomás Antônio Gonzaga.

62 - Adoro Ernest Hem....

63 - Adoro Hermam Hesse.

64 - Adoro mitologia nóridica.

65 - Adoro Mitologia Grega.

66 - Adoro Mitologia Celta.

67 - Adoro História, e não é a toa que eu faço o curso.

68 - Adoro História antiga, e História da Filosofia, e gosto de estudar a parte mais teórica e ligado a filosofia.

69 - Adoro Legião Urbana, cresci ouvindo.

70 - Adoro Raul Seixas.

71 - Adoro Led Zeppelin, também cresci ouvindo.

72 - Adoro AC/DC.

73 - Adoro MPB.

74 - Adoro Música Erudita.

75 - Sou fã de Luciano Pavarotti, e quando ele morreu, eu chorei e escrevi um poema para ele.

76 - Adoro Chopin.

77 - Adoro Tchaikoviski.

78 - Eu não consigo dormir sem o barulho do ventilador. Geralmente durmo com três ao meu redor, mesmo em dias frios, e ai me cubro com duas cobertas. Rs.

79 - Atualmente ando escutando Jazz, com bastante freqüência, e isso tem me feito bem.

80 - Gosto de escutar Chopin para escrever. Geralmente me sento na sala, coloco a música, e fico vendo a noite cair enquanto escrevo meu livro ou algum poema.

81 - Eu escrevo poema sobre tudo. Tenho tantas poesias escritas que sempre quando quero encontrar uma específica acabo me irritando, porque demora para achar.

82 - Recentemente eu tive uma crise forte de depressão, mas agora já estou bem melhor, embora eu nunca deixe de ser uma pessoa depressiva.

83 - Não sei mais se acredito em felicidade. No mais das vezes tenho tido a tendência de corroborar com o meu ídolo, Renato Russo, que dizia que a felicidade é uma mentira.

84 - Eu sempre fui uma pessoa muito solitária, e nos últimos tempos tenho me tornado cada vez mais. Até que sou sociável às vezes, mas não suporto certas ocasiões sociais.

85 - Detesto festas, e também detesto sair de casa. Na verdade, poucos eventos me atraem para a rua. Eu sempre tenho mesmo a vontade de nunca mais sair de minha casa.

86 - Eu adoro assistir desenhos animados, os bons, pelo menos.

87 - Adoro Chaves, morro de rir, mesmo sabendo o que vai acontecer, já que os episódios são os mais repetidos do mundo.

88 - Um dos meus filmes preferidos é Cidade dos Anjos. Acho aquele filme extremamente delicado.

89 - Doce Novembro também é um filme que me fascina.

90 - Mas sou fanático por Star Wars, e por Senhor dos Anéis. Não é a toa que escrevo no mesmo estilo que o Tolkien.

91 - Quando fui ver o terceiro filme do Star Wars no cinema, chorei quando descobri porque o Anaquin virou Dart Vader: Foi por amor.

92 – Acho que as pessoas deveriam ser mais sensíveis, porque isso faria do mundo um lugar melhor.

93 – Eu vejo tanta gente mal educada pela rua que às vezes eu fico impressionado.

94 – A algum tempo atrás eu me surpreendi com uma coisa que eu já sabia, mas que ainda não tinha me dado conta dela por inteiro. Eu descobri que existe gente que não sabe ler, e me pus no lugar dessas pessoas e não consegui imaginar como pode ser a vida assim. Eu, que vivo entre livros o tempo todo, não sei como pode ser isso. Fiquei deveras chocado.

95 – Outro dia ganhei dois magos de presente (estátuas de cerca de 50 cm). Elas pertenciam a um grande amigo que faleceu faz alguns anos. Fiquei feliz com o presente, mas preferia que ele ainda fosse o dono dos magos.

96 – Dediquei meu livro a esse amigo, já que muito do que sou hoje foi através dele que me tornei.

97 – Eu fico muito incomodado sempre quando vejo injustiças.

98 – Já briguei várias vezes para ajudar pessoas que estavam em situação de risco, e me orgulho disso.

99 – Às vezes, ou quase sempre, sou totalmente pirado.

100 – A verdade é que a vida para mim tem sido um grande martírio, e eu ando mais perdido que um cego em um tiroteio no meio de uma tempestade de areia no meio do deserto.

101 – Bom, acabou, esse sou eu. Peço desculpas pelas incoerências, agradeço quem chegou até aqui lendo essas chatices, e agradeço muito a minha amiga Jaya, que propôs essa brincadeira, e que é um doce de pessoa. (se tiver coisas repetidas, nem reparem, minha cabeça não anda muito coerente, ultimamente, desde que nasci). Desculpem também por ter meio que enrolado em algumas partes, e ficado falando de autores e livros, rs, mas é que sou fascinado por literatura e arte em geral.

Átila Siqueira.

21 comentários:

Gilbamar disse...

É um ótimo exercício de memória e literário. À medida que vamos lembrando, tecemos o texto e criamos um contexto.

Deixo meu fraterno abraço amigo.

FRAN "O Samurai" disse...

Olá Átila meu amigo!

Caramba! Essa foi uma postagem que me interessou muito. Conhecer pessoas é algo que adoro.

E essas 101 coisas sobre você me fez pensar muito sobre mim também e algumas coisas temos em comum, e uma delas é adorar o estilo Tolkien de contar histórias... Amo Senhor dos Anéis.

Vejo que és um cara muito romântico assim como eu e que não tem medo de derramar lágrimas quando o momento é propício. Também sou uma pessoa emotiva e choro sem medo. Choro ao ver filmes comoventes, choro ao ler livros, choro com música ou com fatos e acontecimentos.

Vejo que teve uma infância feliz. Isso é legal e escrever já estava no seu sangue desde pequeno não é mesmo? Bacana. Fico feliz que correu atrás dos seus sonhos e se tornou um escritor. Desejo sucesso em seu caminho das palavras.

Acho que irei fazer uma postagem tabém com minhas 101 coisas. Vai ser difícil mas vou tentar.

Sobre o fato de você cada vez mais preferir ficar sozinho, posso confessar que já tive uma fase assim, em que as pessoas me chateavam muito, e comecei a me isolar da sociedade. Mas percebi que precisava dela para viver, precisava conhecer pessoas, mas conhecer pessoas que fossem interessantes e que me trariam algo de bom para meu amadurecimento.

Reflita sobre isso...

Adorei ler tudo isso e conheci mais um pouco dessa grande pessoa que és.

Abraço meu amigo e ótimo começo de semana!

Jacinta Dantas disse...

Menino,
que exercício legal vc faz. Isso é bom, proporciona um olhar para dentro com possibilidades de externar sentimentos. Que bom!
Beijos

Glau Ribeiro disse...

Esse negócio de escrever sobre a gente é a melhor terapia né? Foi um tanto bom fazer minha listinha e descobrir a pessoa interessante que existe em algum lugar dentro da gente, e perceber que você tem muitas vezes 101 coisas pra falar sobre você. =)

Por mim, faria outra vez, outra lista, com outras coisas! hahaha.

Adorei você ter entrado na brincadeira! =)

Beeijo!

menta disse...

Átila,

legal o "auto-retrato"!

obrigada pelo comentário.

abçs

Karine disse...

Oi Átila!

Eu tb me arrisquei nas 101 coisas...
difícil né?

Mas também é bom para refletir sobre si mesmo e para que nós, que te lemos, saibamos mais de ti.

Uma coisa me chamou atenção do que vc disse sobre seu nome, é que todos os "ÁTILAS" que conheci realmente eram pessoas fortes, firmes e decididas.

Gosto muito do nome.

Um beijo!

Patty disse...

Foi ótimo saber sobre você, poeta. Temos várias coisas em comum, o filme Cidade dos Anjos é meu preferido e a trilha sonora é demais também.

Um beijo e boa semana!

Kakau disse...

gosto de ler esse tipo d epostagem. Gosto de ocnhecer as pessoas. Muitas vezes me surpreendo com o quanto as pessoas que nos parecem tão diferentes tem tantas cosias em comum conosco.

Desde que li o 101 coisas da Jaya que fico pensando nas coisas que eu escreveria se fosse fazer a minha lista. Ao mesmo tempo que tenho umas 300 coisas pra escrever não tenho nem 10 hahahahahahah


Gostei de conhecer um pouco masi sobre você ;}

Beijos
=***

Jaya disse...

Átila, bom bom bom você ter feito a listinha, viu? Rs. Vou selecionar uns tópicos e comentar. (:

3. Acho igual!

5. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Que coisa!

9. Gosto ainda hoje.

17. Sério? Cara, que legal! Adorei saber disso.

21. Eu odeio até hoje. Haha.

25. Caramba! Mundo de inspiração, hein?

40. Por que a gente é assim? Rs.

48. Incenso me dá ânsia de vômito.

50. Não bebo café, mas adoro o cheiro.

99. Bem vindo ao clube.

101. Desde que nasceu. Hahuahauhaua Aiai.

Átila, adorei te conhecer um pouco mais. Essas 101 coisas não retratam nem 1% daquilo que de fato somos, mas é gostoso tentar esmiuçar um pouco de nossa personalidade aqui. Gostei, sim! Entre semelhanças e diferenças, te enxerguei de um jeito bonito.

Beijocas.

Ana disse...

nossa, adorei estas 101 coisas sobre vc XD
mesmo q vc seja mto diferente de mim, hehe, cara num sei como tu consegue fikar em ksa, se eu fiko um fim de semana in ksa, eu fiko doida, affeeee

mas adorei td q escreveu, vc tem personalidade e sabe mto bem o q quer, basta encontrar o seu caminho e a sua Arwen, hehe, mas um dia eu acredito q vc vai ser mto feliz, torço por isso como vc torçe por mim
hehehe

Bjaum ;D

Christi Xavier disse...

Átila, amei saber mais de vc, da sua vida, aliás, foi um gabarito de vestibular, 101 questões, me diverti muito, ri muito com coisas da sua infância que vc viveu, muito bacana e linda a forma como descreve seu amor pela literatura.

Acho incrível, me lembrei do meu pai, que parece uma enciclopédia ambulante, e muitas das vezes, nem todos entendem.

Seu jeito doce e romantico, com certeza vai te fazer encontrar a sua princesa de contos de fadas, pra não dizer de histórias medievais, que são lindíssimas e envolventes.

Muito bacana aqui, amei, depois vou ler de novo

Bjs,

Chris

Christi Xavier disse...

Vc nasceu pra escrever !

Deusa Odoyá disse...

Olá meu novo amigo!
Adorei te conhecer...
Temos algo em comum, escrevemos o que temos dentro de nós, e adoramos e somos românticos.
beijos.
Uma semana de muita paz, luz e amor.
Sua nova amiga.
Regina Coeli.

Te aguardo em meu cantinho.

[ rod ] disse...

Eu acho mesmo que são nessas oportunidades que também nos conhecemos... é uma aventura boa.. rumo ao que, às vezes, escondemos de nós mesmos.

E me identifiquei com coisas suas... sou romântico bobo é choro, na boa, em filmes... rss

Quem sabe um dia me cure, mas eu acho difícil.r.s.s

Abçs meu caro,





Novo Dogma:
tO be...


dogMas...
dos atos, fatos e mitos...

http://do-gmas.blogspot.com/

Pelos caminhos da vida. disse...

Bom dia amigo.

Depois volto pra ler seu post com mais tempo.

Um otimo dia para vc.

bjs.

Cadinho RoCo disse...

Fico muito impressionado com a tendência de pessoas tão novas em oferecerem tamanha resistência à felicidade.

Cadinho RoCo

naná disse...

Hola Átila, bueno, me has dejado con una idea más precisa de vos, mas...ya iba en el rumbo indicado; a veces me sorprendo yo misma, pues leyendo las producciones de los que escribimos, es como ver un mapa, por lo menos para mi. Un gusto leer tus 101 cosas; ahora una pregunta? por qué 101 y no 62 0 99? jaja.
Tenemos algunas cosas en común, odio las matemáticas,las injusticias no las soporto, adoro escribir los días de frío, adoro a Led Zeppelin, a Pavarotti, a La Ilíada, el film doce de noviembre,Star Wars, soy una persona solitaria, aunque no lo demuestre,etc, y bueno, algunas cosas no coincidimos, pero solo te digo las que compartimos.
Chau, un beso y espero estés bien.
naná

Tamires ________ disse...

Ei, moço querido!

Adorei ler, isso aqui, viu?
Me espelhei em semelhanças, e ri das diferenças.
Um modo de desabafo, né? Quando postei as 101 notas, me senti meio que aliviada. Além de ser um jeito de nos aproximarmos aqui na blogsfera, né?

Tópico 92 - Se as pessoas sensiveis que estão por vir, serem um puquinho de vc, o mundo já estará bem colorido, viu? Sorte nossa.

Adorei.

Beijos, querido.

Frαncy; disse...

"...se tiver coisas repetidas, nem reparem, minha cabeça não anda muito coerente, ultimamente, desde que nasci"

hahahahahaha
Adorei ler as 101 coisas sobre você, li coisas que nem fazia idéia, rs!
Bom conhecer mais de você, companheiro de blog, hehe.


beijo!

Ariana disse...

Adorei saber um pouco sobre você!

Quem sabe um dia eu anime a fazer tambem!rs
Sou um pouco fraca de memória!haha

Beijo

Pelos caminhos da vida. disse...

Fim de semana de luz Atila.

bjs.